Adoção da arquitetura modular na inovação de produtos: uma análise preliminar da literatura

Suzana Regina Moro, Paulo Augusto Cauchick-Miguel

Resumo


Devido aos benefícios percebidos pelas organizações na adoção de uma arquitetura modular, esta vem sendo muito utilizada para a inovação de produtos, principalmente nos setores que a concorrência e a competitividade são mais intensas. Nesse sentido, o objetivo deste trabalho é identificar, com base em uma análise da literatura, os benefícios do uso da arquitetura modular e os trade-offs existentes com relação ao projeto modular. Para tal, foi feita uma revisão sistemática da literatura visando identificar publicações que investigaram a relação entre a adoção do projeto modular e o desempenho de inovação. O presente trabalho apresenta os principais benefícios do uso da arquitetura modular como, por exemplo, custo e tempo de produção; trade-offs do projeto modular que influenciam na inovação de produtos, como no caso de proteção da propriedade intelectual e impacto ambiental dos produtos. As oportunidades para pesquisas futuras identificadas relacionam-se, principalmente, a necessidade de estudos empíricos e que avaliem as restrições do uso da modularidade. Verifica-se a importância de avaliar as vantagens e desvantagens do uso do projeto modular de acordo com as estratégias da organização e conclui-se que as pesquisas direcionadas para a verificação dos impactos ambientais das inovações modulares, assumem importante papel no contexto atual.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v13i2.1847

Licença Creative Commons
Revista GEPROS - Gestão da Produção, Operações e Sistemas

http://revista.feb.unesp.br/index.php/gepros está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

Locations of visitors to this page