Análise do desempenho das companhias aéreas brasileiras através da escala SERVQUAL

Thais Andreia Aragão Santana, Thaysa Maria de Farias Moura, Larissa Vasconcelos Costa, Cleiton Rodrigues de Vasconcelos

Resumo


Nos últimos dez anos, o setor aéreo brasileiro teve um crescimento anual maior que o Produto Interno Bruto (PIB). Esse crescimento estimula a concorrência e a melhoria na qualidade dos serviços das empresas aéreas. Dessa maneira, as companhias precisam conhecer seus clientes e conquistar relacionamentos de longo prazo. Partindo dessa premissa, utilizou-se o instrumento SERVQUAL para avaliar os atuais serviços fornecidos pelas empresas brasileiras de aviação civil em voos domésticos. Ao avaliar o gap entre a expectativa e o desempenho do serviço, todos os quesitos foram negativos. Observou-se pela análise dos gaps e percepções que os itens com melhor desempenho tratam sobre a comunicação clara entre os funcionários e os clientes. Constatou-se que o modelo SERVQUAL pode ser utilizado de forma complementar aos dados da Agência Nacional de Aviação Civil e da Secretaria de Aviação Civil para a avaliação da qualidade dos serviços aéreos nacionais. A ferramenta se mostrou eficiente em mensurar a qualidade dos serviços aéreos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v13i1.2010

Licença Creative Commons
Revista GEPROS - Gestão da Produção, Operações e Sistemas

http://revista.feb.unesp.br/index.php/gepros está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

Locations of visitors to this page