Os fatores que devem ser considerados para uma efetiva implantação do controle estatístico de processo (CEP): uma revisão de literatura

Fabiano Rodrigues Soriano, Pedro Carlos Oprime, Fabiane Letícia Lizarelli

Resumo


O Controle Estatístico de Processo (CEP) corresponde a um conjunto de ferramentas estatísticas que visam à melhoria e estabilidade dos padrões da qualidade e é amplamente utilizado pelas como suporte aos programas de qualidade. Ao longo de mais de 50 anos, diversos autores exploraram o assunto apresentando Fatores Críticos para o Sucesso (FCS) para a sua implantação nas indústrias. Contudo, não se encontra na literatura trabalhos que os reúnam e os classifiquem de acordo com dimensões (estatísticas, metodológicas e gerenciais) e níveis de decisão (Estratégico, Tático e Operacional). Esta revisão de literatura é resultado de uma busca aprofundada a respeito dos FCS em trabalhos encontrados nas principais bases de dados disponíveis. Foram identificados e estão listados neste trabalho 44 FCS que devem ser observados para a efetiva implantação do CEP e que possibilitam aos gestores direcionarem seus esforços e recursos. Verifica-se a importância e a carência de estudos que mostrem, efetivamente, como os níveis de decisão e as dimensões interferem no resultado do programa e de que forma os fatores podem corroborar para o sucesso do CEP.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v15i1.2259

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122