A importância dos agentes de carga no fluxo logístico internacional: um estudo com exportadores do setor madeireiro

Alexandre Reis Graeml, Jurandir Peinado, Marcelo Imay

Resumo


Este artigo tem o objetivo de discutir a importância dos agentes de cargas internacionais, também conhecidos como International Freight Forwarders (IFFs), para a exportação de madeira, na visão dos próprios exportadores. Para isso, foi realizada uma pesquisa survey com 31 empresas exportadoras do produto do Brasil, que representam cerca de 35% do volume de exportação nacional do setor madeireiro, dentre as quais estão os principais exportadores com saídas pelos principais portos dos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O estudo permitiu concluir que os exportadores reconhecem que os agentes de cargas facilitam o fluxo logístico internacional e agilizam o trâmite burocrático envolvido, mas também revelou certa desconfiança dos exportadores quanto à segurança e confidencialidade das informações sobre seus clientes e processos repassadas aos agentes.

Palavras-chave: Logística; Agentes de Cargas Internacionais; Setor adeireiro.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v0i4.644

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122