Construção de indicadores e métodos para a classificação de produtores de leite para melhoria do desempenho dos sistemas de produção

Marcelo Tsuguio Okano, Oduvaldo Vendrametto, Osmildo Sobral dos Santos

Resumo


A cadeia leiteira é uma das mais importantes atividades do setor agropecuário e desempenha função de vital relevância no processo de desenvolvimento econômico e social do País. Após meio século de poucas mudanças, a cadeia produtiva do leite começa, no início dos anos 90, a experimentar profundas transformações como controle genético, inseminação artificial, controles endêmicos, melhoria de arraçoamento e pastagens, adoção de critérios rigorosos de inspeção, trato, limpeza, desinfecção, avanços tecnológicos e qualidade do produto. Essas transformações auxiliaram a aumentar a produtividade das fazendas que tiveram condições de investir e planejar, mas pre-judicaram as propriedades leiteiras que não tiveram condições de acompanhar. O objetivo deste trabalho foi o desenvolvimento de indicadores de eficiência produtiva das propriedades leiteiras que influenciam na produtividade desta cadeia. Para a coleta das informações foi usada a pesquisa exploratória qualitativa com entrevistas semi-estruturadas através de questionários com questões fechadas. Os resultados obtidos das análises dos dados da pesquisa de campo apontaram para as melhores práticas que os produtores podem adotar para evoluírem na Tabela de Classificação e aumentarem a eficiência produtiva.

Palavras-chave: Cadeia Leiteira. Agronegócios. Produção Leiteira.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v32i4.798

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122