Alternativa tecnológica para diminuir a abundância de fluidos de corte na retificação cilíndrica externa de mergulho de aços endurecidos

Luiz Gustavo Guermandi, Danilo de Jesus Oliveira, Matheus Gonçalves Pereira, Eduardo Carlos Bianchi, Paulo Roberto de Aguiar

Resumo


Atualmente, as empresas estão buscando produzir de forma sustentável. Dessa forma, na indústria metal mecânica, o uso de fluidos de corte em abundância está sendo fortemente substituido por métodos que diminuem o uso desses fluidos. Nesse contexto, há a mínima quantidade de lubrificante, MQL. Apesar de usar uma quantidade mínima de fluido de corte, não apresenta bom desempenho, em termos da qualidade final do produto e vida da ferramenta, devido ao empastamento do rebolo, quando se reduz a quantidade de fluido de corte. Assim, neste trabalho, utilizou-se um sistema de limpeza da superfície de corte do rebolo para eliminar seu empastamento e, com isso, tornar o MQL mais acessível tecnologicamente. Para tal, analisaram-se a qualidade do produto e vida da ferramenta. Concluiu-se que a adição do sistema de limpeza, além de diminuir a quantidade de fluido usada, otimiza os resultados de qualidade superficial do produto e preservação da vida da ferramenta, os quais ficaram melhores, com relação ao uso do fluido de corte em abundância. Dessa forma, é possível diminuir a quantidade de fluido de corte, por meio do MQL mais limpeza, mas esse fato não deve ser generalizado, pois cada material usinado é um caso particular.

Palavras-chave: retificação; MQL; meio-ambiente.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v0i4.880

Licença Creative Commons
Revista GEPROS - Gestão da Produção, Operações e Sistemas

http://revista.feb.unesp.br/index.php/gepros está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

Locations of visitors to this page