Medidas de Gestão Energética de baixo custo como estratégia para redução de custos com energia elétrica

Oureste Elias Batista, Rogério Andrade Flauzino

Resumo


A evolução do consumo de energia elétrica, as dificuldades crescentes para atender à demanda, o elevado custo das alternativas de suprimento, o impacto de novas plantas geradoras ao meio ambiente e a necessidade de as empresas inserirem-se em um mundo globalizado e competitivo, requerem uso otimizado dos recursos. Muitas empresas, principalmente as pequenas e médias, têm dificuldade em conceber a Gestão Energética (GE) como uma prática gerencial com caráter decisivo para as diretrizes do planejamento estratégico. A proposta deste artigo é apresentar medidas de baixo custo, geralmente desconhecidas, na gestão energética industrial e quantificar seu benefício econômico. A metodologia foi baseada na minimização do faturamento de energia elétrica, sendo cada medida responsável por reduzir um parcela deste. Os resultados foram obtidos por meio de um estudo de caso, para o qual foi realizada uma breve auditoria energética em uma indústria que produz caldeiras, levantando dados sobre o perfil energético e o histórico de faturas de energia elétrica para um ciclo de produção (11 meses). A economia mensal resultante superou 45% nas faturas e valor presente maior que R$ 1.000.000,00 para o montante acumulado em 2 anos, que pode ser tanto investido no retrofit das instalações, como aplicado em outros targets dados pelo Planejamento Estratégico, contribuindo significativamente para a garantia da competitividade e crescimento dentro do mercado.

Palavras-chave: Gestão Energética; Eficiência Energética; Setor Elétrico; Gestão da Produção; Suprimento de Energia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v0i4.921

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122