Qualidade de vida no trabalho no setor bancário: uma análise experimental reali-zada em Campos dos Goytacazes-RJ

Mara Regina dos Santos Barcelos, André Luís Policani Freitas

Resumo


Este artigo apresenta os resultados de uma análise experimental da Qualidade de Vida no Trabalho (QVT) no setor bancário, realizada em Campos dos Goytacazes, município do estado do Rio de Janeiro. Um modelo híbrido, baseado em modelos da literatura e nas características atuais do setor bancário, foi utilizado para este propósito. O Alpha de Cronbach foi utilizado para medir a confiabilidade do modelo, enquanto que a análise de quartis foi utilizada para determinar as questões mais críticas. Além disso, a classificação do grau de satisfação com a QVT foi realizada. Os resultados indicam que o modelo é válido e confiável.

Palavras-chave: Qualidade de Vida no Trabalho. Setor Bancário. Confiabilidade.

 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v0i1.983

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122