O processo de gestão ambiental em unidades de conservação da natureza: um estudo de caso no Parque Estadual Dunas de Natal

Andressa Andrade de Medeiros, João Gomes da Silva, Maria do Socorro Gondim Teixeira

Resumo


O presente estudo tem como objetivo mostrar a importância da gestão ambiental aplicada às unidades de
conservação da natureza, enfocando o Parque Estadual Dunas de Natal. Toma como referência uma discussão
teórica sobre a gestão ecológica, valoração ambiental e gestão ambiental, propondo-se a mostrar um breve
relato sobre as externalidades ambientais no processo de gerenciamento ecológico. Utiliza como metodologia a
pesquisa bibliográfica exploratória e o estudo de caso. Os resultados apresentam algumas medidas que foram
adotadas pelo parque, no sentido de facilitar o processo de gestão do empreendimento, no que se relaciona às
questões ecológicas e aos princípios de sustentabilidade econômica, permitindo o desenvolvimento, estímulo e
difusão dos aspectos e práticas inerentes à gestão ambiental e conscientização ecológica. Por fim, considera que
as atividades desempenhadas integram um processo sistêmico, cujos resultados devem ser constantemente
acompanhados e ajustados, de acordo com as demandas ocasionadas pelo processo de evolução da gestão
ambiental.

Palavras-chave: Gestão ambiental; Unidades de conservação; Parque das Dunas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v0i2.99

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122