Kansei Engineering na gestão ágil de projetos de novos produtos: potencialidades e desafios

Lucelindo Dias Ferreira Junior, João Luís Guilherme Benassi, Daniel Capaldo Amaral

Resumo


O estudo das emoções do consumidor tem se tornado uma linha importante de pesquisa, na área de desenvolvimento de produtos. As emoções influenciam o modo como o consumidor percebe e intera-ge com os itens no seu entorno. Kansei Engineering (KE) é uma metodologia concebida para facilitar o projeto de produtos centrados no usuário. Sua função básica é relacionar sensações e emoções dos consumidores, com características do produto, para orientar o desenvolvimento de produtos condi-zentes com as expectativas do mercado. O propósito deste artigo é apresentar as definições e premis-sas do Kansei Engineering, métodos e técnicas comumente empregados, e identificar potencialidades e desafios para apoiar a Gestão Ágil de Projetos, no desenvolvimento de produtos físicos. Para isso, realizou-se revisão bibliográfica em fontes de informação referentes aos temas. Dentre os resultados encontrados, nota-se que o KE pode proporcionar maior envolvimento do cliente durante o projeto, um dos elementos-chave na Gestão Ágil de Projetos e, atualmente, um dos desafios a ser superado no processo de desenvolvimento de novos produtos.Palavras-chave: Kansei Engineering; Gestão Ágil de Projetos; Desenvolvimento de Produtos.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v0i3.570

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122