Análise e avaliação de flexibilidades input-output em projetos de plantas na industria do petróleo: uma aplicação da teoria das opções reais e da simulação estocástica

Carlos Patrício Samanez, Letícia A. Costa

Resumo


Os investimentos na indústria petrolífera e petroquímica são frequentemente de médio/longo prazo, ricos em opções reais (flexibilidades gerenciais ou operacionais), com alto grau de irreversibilidade e sujeitos a condições de incerteza técnica e econômica. Nesse contexto, o método tradicional de fluxo de caixa descontado é muito limitado, para tratar de incertezas e de flexibilidades e, frequentemente, leva a decisões equivocadas. O presente trabalho usa técnicas mais modernas de análise econômica, com uma abordagem realmente científica, modelando a incerteza econômica como um processo estocástico e usando técnicas de simulação estocástica que consideram os graus de liberdade gerencial de um projeto. A moderna teoria de investimentos, sob incerteza, também conhecida por Teoria das Opções Reais (TOR), separa o valor da oportunidade de investimento da regra de decisão, de forma que esta maximize o valor daquela. O presente trabalho tem como objetivo analisar um projeto de planta na indústria de petróleo, com tecnologia GTL (Gas-to-liquid), usando a Teoria das Opções Reais. A tecnologia GTL possibilita a conversão de sólidos, biomassas, líquidos e gases em derivados, tais como a nafta, diesel, parafinas e lubrificantes de alta qualidade. Neste estudo, a TOR é ajustada para avaliar a capacidade do projeto poder mudar seus inputs e/ou outputs, selecionando a alternativa que maximize o retorno, de acordo com cada cenário. O investimento ocorre em um ambiente de incerteza, onde os preços (fatores de incerteza) são considerados estocásticos e seguem um processo de reversão à média e a análise é estimada por simulação de Monte Carlo. Palavras-chave: Análise de projetos de investimento; Teoria das opções reais; Simulação de Monte Carlo; Métodos numéricos; Processos estocásticos.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v2i2.747

Licença Creative Commons
Revista GEPROS - Gestão da Produção, Operações e Sistemas

http://revista.feb.unesp.br/index.php/gepros está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

 

Locations of visitors to this page