Utilização do Overall Equipment Effectiveness (OEE) em células de manufatura considerando o takt time

Leonardo de Carvalho Gomes, Ricardo Gonçalves de Faria Corrêa

Resumo


Dentre as formas de medição e melhoria da eficiência de processos industriais, destaca-se a utilização do Overall Equipment Efectiveness (OEE) também conhecido como Índice de Eficiência Global. Este indicador de eficiência caracteriza-se por considerar no cálculo os fatores: utilização do tempo disponível; o ritmo; e a qualidade do do produto. O OEE tem sido implementado largamente para o controle e melhoria de máquinas. Porém, quando o mesmo é implementado em células de manufatura, existem parâmetros que devem ser discutidos e ajustados, como qual o tempo padrão utilizar, visto que as máquinas em uma célula possuem tempos padroes diferentes. A proposta do presente artigo é utilizar o  Takt time como tempo padrão no cálculo do OEE como a forma mais correta de medir a eficiência em uma célula de manufatura. Através de um estudo de caso em uma empresa metalúrgica, foi demonstrado que a forma mais adequada para medição do OEE em uma célula de manufatura é usando o takt time.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v13i3.1960

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122