Perdas de Grãos no Transporte e Armazenagem: Uma Revisão Sistemática da Literatura com Análise Bibliométrica

Lucas Rodrigues Deliberador, Luciana Torres Correia de Mello, Mário Otávio Batalha

Resumo


A perda de alimentos vem se tornando um assunto relevante na agroindústria e estudado na literatura. Entre as perdas, destacam-se aquelas ocorridas devido à falta de estruturas de transporte e armazenagem de grãos. Considerando que o brasil é um dos principais produtores de soja e milho do mundo, essas perdas acarretam prejuízos financeiros significantes e diminuem a competitividade do país. Assim, o artigo objetiva identificar e analisar o que a literatura atual vem tratando sobre o tema e traçar sugestões de tendências futuras. Para isso, utilizou-se a ferramenta de Revisão Sistemática da Literatura (RSL), identificando os trabalhos presentes nas bases de dados Scopus, Web of Science e Scielo no período entre 2007 e 2017. Os resultados obtidos apresentam que a temática vem crescendo em número de publicações e que ainda há possibilidades de novas pesquisas. Sugerem-se pesquisas com novos termos que abranjam tipos de perdas em geral, desenvolvendo um framework com as perdas mais comuns por grãos, de modo a auxiliar os gestores e profissionais nas tomadas de decisões desse mercado e a minimizar as perdas pós-colheita.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v14i5.2461

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122