Industrie 4.0: Formação de Redes de Projeto em Manufatura Distribuída

Luiz Fernando Cardoso dos Santos Durão, Marly Monteiro de Carvalho, Eduardo de Senzi Zancul

Resumo


A integração de tecnologias modernas de Internet e tecnologias de manufatura, o que vem se denominando de Industrie 4.0, permite a produção distribuída usando manufatura aditiva em escala global com integração de máquinas e de processos. No entanto, manufatura distribuída impõe muitos desafios quanto a padronização, ao controle de qualidade e a gestão da informação em diferentes locais de fabricação. Este artigo tem como objetivo investigar a formação de redes em projetos de manufatura distribuída, identificando seus atores e tipos de conexões ao longo do projeto.  A abordagem metodológica foi de pesquisa-ação longitudinal para um projeto de manufatura distribuída com foco em manufatura flexível, sendo a fábrica central localizada na Alemanha e o sítio de produção localizado no Brasil. O design e engenharia que gerou o modelo de produto foi desenvolvido na Alemanha, enquanto que o sítio de manufatura aditiva, a infraestrutura produtiva e as máquinas são localizados no Brasil, formando uma rede de desenvolvimento e manufatura distribuída. Os resultados permitiram identificar como é organizada a comunicação e o compartilhamento do conhecimento entre os envolvidos no projeto de manufatura distribuída, e, além disso, compreender que tipo de conhecimento é compartilhado entre os envolvidos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v12i3.1695

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122