Análise do comportamento da oferta de medicamentos contra hipertensão e diabetes no estado do Rio Grande do Sul entre 2006 e 2017 por meio da metodologia ARIMA

Antonio do Nascimento Branco, Cristiano Ziegler, Mayara Rohenkohl Ricci, Roselaine Ruviaro Zanini, Adriano Mendonça Souza

Resumo


O Programa Farmácia Popular é indispensável para o tratamento da hipertensão arterial e do diabetes, as duas principais doenças crônicas não transmissíveis do país. Por esse motivo, esta pesquisa objetivou avaliar o comportamento da oferta desses medicamentos no estado do Rio Grande do Sul. Para isso, métodos estatísticos foram utilizados no banco de dados coletado, sendo a metodologia ARIMA (p,d,q) a prioritária. Utilizando os métodos de AIC e BIC, foi possível determinar modelo SARIMA (2,0,0)(1,0,0)12 como o melhor para representar o comportamento da oferta desses medicamentos. Os principais resultados apresentam que os últimos três meses influenciam diretamente na quantidade e oferta de medicamentos, com evidências de sazonalidade anual. Além disso, os resultados foram discutidos com outros estudos realizados nesse contexto.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15675/gepros.v15i2.2435

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons

Está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

e-ISSN: 1984-2430
GEPROS. Gest. prod. oper. sist., Bauru, São Paulo-SP (Brasil).

Departamento de Engenharia de Produção da Faculdade de Engenharia da UNESP - Bauru

Av. Eng. Edmundo Carrijo Coube, n° 14-01 Fone: 55-14-3103-6122